loading image

Palavras dos Ex-Presidentes

Palavras dos Ex-Presidentes

Dr. Eduardo Rebeis

Gestão 2008/2011

Muito obrigado a todos pela oportunidade de estar como presidente da Associação Paulista de Medicina Seção Regional Piracicaba gestão 2008-2011. Três anos de muitas reuniões científicas, administrativas e sociais, período este, em que aprendemos que o entendimento dos problemas de modo profundo, a humildade e a capacidade de ouvir são fatores preponderantes para se decidir com isenção e poder assumir as conseqüências da decisão tomada.

Não vou discorrer sobre aquilo que a diretoria realizou, isto é público e sabido por todos que acompanharam a nossa jornada. Tenho convicção de que o tempo de gestão que nos coube não foi o suficiente para a concretização de todos os nossos objetivos. Porém este período foi o bastante, para fazer  a nossa associação subir mais um pequeno degrau no sentido dos sonhos da nossa classe. Entregamos a gestão em solo fértil,  pronto para receber as sementes da nova diretoria, de modo que germinem e possam ser passadas sob formas de arbustos  às gestões subseqüentes. Deste modo creio que,  as diretorias são importantes, mas passam, enquanto a associação é perene e tem de estar sólida para defender nossos ideais.


Dr. Antonio Haddad Dib
Gestão 2004/2007


Dr. Paulo Arthur Machado Padovani
Gestão 2002/2004

Iniciamos nossa administração com uma reforma administrativa, e promovendo integração e trabalho em equipe dos funcionários.

A nossa administração foi marcada com muita luta pela classe, que viveu período de muita dificuldade e de queda do poder aquisitivo acentuado. Procuramos tornar a nossa associação o foro neutro para discussão da causa médica e desta forma levantamos a bandeira do médico por melhores condições de trabalho e remuneração. Lutamos junto com o CRM (Conselho Regional de Medicina) e SINDICATO DOS MÉDICOS, pela implantação da CBHPM (Classificação Brasileira de Honorários Profissionais Médicos). Estabelecemos um diálogo com as empresas prestadora de serviços médicos de Piracicaba e região implantando acordos éticos entre elas próprias e a classe médica.

Participamos ativamente na representatividade da classe médica junto a diversos conselhos municipais, em especial ao da saúde ajudando a decidir e respaldar tecnicamente suas atitudes.

Estivemos sempre presente nas ações junto a Prefeitura e Câmara municipal defendendo a causa médica.

Fomos imparciais no período eleitoral assegurando o direito de todos os candidatos de expor suas idéias e propostas.

Apresentamos um rol de atividades científicas com ciclo de palestras e congresso, tornando a atividade científica continuada muito próxima da comunidade médica. Aproximamos da indústria farmacêutica e obtivemos o financiamento para nossas atividades científicas de maneira ética e imparcial.

Criamos a Biblioteca Virtual em Saúde, um mecanismo de atualização científica de ótima qualidade, com uma bibliotecária experiente, que nos ajudou a ter acesso on line aos maiores banco de dados e melhores revistas de todas as especialidades médicas do mundo.


Dr. Paulo Tadeu Falanghe
Gestões 91/93 - 93/95

"Acho importante ampliar os canais de comunicação, especialmente quando chegamos à interatividade estabelecida pela Internet", disse o médico, que presidiu a APM Piracicaba em duas gestões - de 1991 a 1993 e de 1993 a 1995.

Ciente do papel que a comunicação exerce no cotidiano de uma entidade, o Dr. Paulo Falanghe implantou em suas gestões o boletim informativo "Dr. Jornal" e o programa "Saúde na TV", que foi veiculado pela TV Beira Rio.


Dr. Renato Françoso Filho
Gestões 95/97 97/99

"Acho a comunicação tão importante quanto à existência da própria entidade", destaca o dr. Françoso, que esteve à frente da APM de 1995 a 1997 e de 1997 a 1999. Na segunda gestão, o boletim Dr. Jornal" cresceu, se tornou a "Dr. Jornal em Revista".

Segundo o médico, a publicação conseguiu cumprir dois objetivos básicos: dar ciência sobre as atividades realizadas pela APM e congregar a classe médica, estendendo esse contato com outras categorias e com a sociedade.

 



Seja um associado APM



Menu

Revista APM

Agosto  2016

Fale conosco